23/02/2013

Caldo verde

Estávamos a almoçar num restaurante chinês. Sopa para uns, crepe para outros. Cada um escolhe o seu prato e quando já estávamos a comer, chega uma empregada e com o seu sotaque tipicamente chinês pergunta:
- Calo Vêle?
O pessoal fica a pensar que ela fez confusão e que teria pensado que alguém tinha pedido caldo verde.
- Não. Não, obrigado. - dizem todos.

Passados uns minutos, chega a mesma empregada:
- Calo Vêle?
Já tínhamos dito que não. E porque havíamos nós de querer caldo verde num restaurante chinês?
- Não, obrigado. Já dissemos que não.

Só depois percebemos que estava um calo vêle (carro verde) mal estacionado lá fora.

Esta situação não aconteceu comigo. Foi-me contada. Mas merece ser partilhada. E contada como se lá tivéssemos estado, soa sempre melhor.

5 comentários:

  1. Ahaha esses "érres" trocados por "éles" dão sempre azo a confusão!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por isso é que eu gosto de pedir pato com lalanja. ;)

      Eliminar
  2. Muito bom! :D
    Estou aqui a rir-me sozinha, caramba... Se fosse comigo, não aguentava... :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não devias lil-te com a plonúncia dos outlos.

      Eliminar

Se queres deixar link, faz assim:
<a href="LinkDoTeuBlogue">NomeDoTeuBlogue</a>

Se viste algum erro e só queres fazer o favor de me avisar, faz assim:
TBD Erro->Correção

Se achaste graça, faz assim:
Ahahaha!

Se fazes questão que te responda, deixa um ponto de interrogação.

Se queres comentar anonimamente, assina no fim com um nome mais ou menos falso.

Em todos os comentários, deves tratar-me por tu. A não ser que me queiras insultar. Nesse caso, trata-me na terceira pessoa.